Make your own free website on Tripod.com



Tentam fazer pouco da gente
Só porque estamos por ai.
Suas vidas parecem tão sem sentido
Tomara que eu morra antes de envelhecer.
Falo da minha geração.
( The Who, "My generation")

      Existem várias castas sociais diferentes entre os Membros. Em sua maioria, os Cainitas distinguem-se por uma combinação de idade e geração (quantos passos se está distante de Caim, o primeiro vampiro, em termos de ancestralidade). Embora haja um grau de mobilidade social, os anciões confiam apenas naqueles que provaram seu valor, e a melhor forma de faze-lo é sobrevivendo durante algumas centenas de anos. Os anciões detêm o poder, de modo que determinam a quem deve ser atribuído respeito e posição. Evidentemente, sempre se pode lançar mão da diablerie, reduzindo dessa forma a distância entre gerações, mas estes "exterminadores" raramente são bem aceitos entre os anciões.
      A posição mais elevada é a atribuída aos Antediluvianos - os Cainitas da terceira geração. A posição mais baixa é atribuída às crianças da noite e aos Desgarrados, que geralmente pertencem à 13º geração ou a gerações posteriores e que apenas recentemente tenham sido Abraçadas.

      - Caitiff:
Ainda que muitos Caitiff sejam Desgarrados, mas sob todos os outros aspectos vampiros "normais", outros tornaram-se tão degenerados que se alimentam apenas dos fracos e moribundos. Alguns Caitiffs vivem isolados da sociedade vampírica propositalmente, mas muitos foram banidos. Já integraram a sociedade da Família, mas perderam tanto de sua humanidade que estão incapacitados a manter relações com quaisquer outras criaturas. Conhecem apenas a sobrevivência, e vivem de noite para noite em busca de alimento. Cedo ou tarde,todos irão morrer, mas isso pode levar muitos anos.

      - Crianças da Noite:
Os vampiros desta classe ainda não foram apresentados ao príncipe, nem libertados por seus Senhores. Eles não são totalmente reconhecidos como Membros da sociedade vampírica e portanto não lhes é demonstrado nenhum respeito. São, em suma, tratados como crianças. O termo algumas vezes é usado em outro contexto. Os Membros que tenham cometido atos especialmente estúpidos podem ser denominados e considerados Crianças da Noite.

      - Neófitos:
Esses vampiros foram liberados recentemente e apresentados ao príncipe, embora ainda não tenham deixado sua marca na sociedade. Os neófitos constituem acasta dos vampiros jovens que foram liberados por seus Senhores. Se eles se comportarem e não se juntarem aos anarquistas, virão a tornar-se ancillae, normalmente depois de 50 a 100 anos.

      - Anarquistas:
Os anarquitas possuem posição porque são respeitados pelo pequeno poder que conseguiram adquirir. São reconhecidos por sua energia, motivação e coerência. Embora sejam inimigos dos anciões e especialmente do príncipe, ainda assim são respeitados, mesmo que não abertamente, por terem obtido, graças à sua atitude rebelde, uma identidade própria.

      - Ancillae:
Esses membros ainda são jovens, mas provaram seu valor aos anciões. Os ancillae são candidatos a Cainitas, aqueles que jogam segundo as regras (ao menos na maioria das vezes) para alcançar um poder maior. Esta é a classe entre neófito e ancião, na qual o vampiro obtém respeito e poder cada vez maiores. A maioria já existe há um ou dois séculos em sua forma vampírica.

      - Anciões:
Quando os vampiros alcançam uma certa idade, há poucos acima deles que detenham algum poder na sociedade vampírica. Os anciões são os Membros que comandam e que tentam dominar todos os outros. Os anciões normalmente possuem entre 200 e 1000 anos, mas como tudo o que diz respeito aos mortos-vivos, isto pode variar imensamente. Na Europa, um vampiro precisa ser bem mais velho e poderoso para ser considerado um ancião do que no Novo Mundo.

      - Matusalém:
Quando um vampiro alcança uma determinada idade, mais ou menos entre 1000 e 2000 anos imortais, passa invariavelmente por uma profunda alteração. Há muito se discute se essa mudança é mística, biológica ou, na verdade, social, conseqüência de uma modificação das necessidades e desejos. Certamente, quando um vampiro alcança esta idade, um tédio e uma melancolia o invadem, assim como um estado de paranóia crescente. Aqueles que são fracos, correm riscos ou desejam inconscientemente o suicídio não sobrevivem a este estágio. Apenas os muitíssimos fortes alcançam a condição de Matusalém.
      Como medida de autopreservação, os Matusaléns afastam-se do mundo e dos mais jovens. O constante esforço de enfrentar os jovens impetuosos que buscam poder através do sangue de seus anciões torna-se cada vez mais debilitante. Em algum momento um dos anarquistas terá sorte e conseguirá eliminar o ancestral. Assim, a única opção é segregar-se inteiramente da sociedade, e entrar em torpor. Alguns Matusaléns permanecem envolvidos em lutas de poder e na Jyhad da Família, mas o fazem em total anonimato.

      - Antediluviano:
Esses são os vampiros mais velhos, e provavelmente as criaturas mais poderosas do mundo. Geralmente são considerados netos de Caim e pertencem à Terceira Geração. Quando se envolvem nos assuntos da Família, raramente deixam de exercer sua influência. A mera menção de um Antediluviano basta para provocar agitação e conflitos entre os Membros. Sua guerra eterna, a Jyhad, afeta todos os Membros da Família.